Cuidados paliativos a pessoa idosa com demência

Sentimentos emergentes com reflexões bioéticas

Resumen

Os cuidados paliativos na atenção à pessoa idosa com demência são uma estratégia contemporânea. Os objetivos foram identificar as características pessoais e profissionais dos enfermeiros, conhecer os sentimentos dos enfermeiros ao cuidar de idoso com demência em cuidados paliativos. Estudo de abordagem qualitativa, do tipo descritivo-exploratório. Os dados foram analisados por meio da Análise de Conteúdo de Bardin, mediante entrevista gravada. A amostra constitui-se de 14 enfermeiros. As categorias emergentes foram: “Impotência e limitação”, “Tristeza pela evolução da doença” e “Beneficiente”. Concluiu-se que os sentimentos do profissional enfermeiro e a Bioética integram e qualificam os cuidados paliativos.

Biografía del autor/a

Rogério Donizeti Reis, Universidade do Vale do Sapucaí, Pouso Alegre

Fisioterapeuta, Enfermeiro
Mestre em Bioética

Ana Maria Garcia Andrade, Universidade do Vale do Sapucaí

Bacharel em Medicina
Mestranda em Bioética
Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu Mestrado em Bioética

José Vitor da Silva, Universidade do Vale do Sapucaí

Enfermeiro
Pós-Doutor em Enfermagem
Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu Mestrado em Bioética

Grupo de Estudo e Pesquisa em Cuidados Paliativos e Luto GEPECEL, Universidade do Vale do Sapucaí

Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu Mestrado em Bioética

Citas

Alcantara, E. H., Almeida, V. L., Nascimento, M. G., Andrade, M. B. T., Dázio, E. M. R., & Resck, Z. M. R. (2018). Percepção dos profissionais da equipe de enfermagem sobre o cuidar de pacientes em cuidados paliativos. Revista de Enfermagem do Centro Oeste Mineiro, 8(e2673), 1-7. DOI: http://dx.doi.org/10.19175/recom.v8i0.2673

Andrade, C. G., Andrade, M. I., Brito, F. M., Costa, I. C. P., Costa, S. F. G., & Santos, K. F. O. (2016). Cuidados paliativos e Bioética: estudo com enfermeiros assistenciais. Revista Online de Pesquisa Cuidado é Fundamental, 8(4), 4922-4928. DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.rpcfo.v8.3622

Barbosa, A. M. G. C., & Massaroni, L. (2016). Convivendo com a morte e o morrer [Versão digital]. Revista de Enfermagem UFPE Online, 10(2), 457-463. Recuperado de https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/10977/12315

Bardin, L. (2011). Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70.

Brucki, S. M., Magaldi, D., Miksian-Morillo, R., Schafirovits-Carvalho, L., Perroco, I., Rilho-Bottino, T, Campos Filho, C. M., ... Nitrini, R. (2011). Demências: enfoque multidisciplinar: das bases fisiopatológicas ao diagnóstico e tratamento. São Paulo: Atheneu.

Cardoso, D. H., Muniz, R. M., Schwartz, E., & Arrieira, I. C. O. (2013). Cuidados paliativos na assistência hospitalar: a vivência de uma equipe multiprofissional. Texto & Contexto Enfermagem, 22(4), 1134-1141. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072013000400032

Dalacorte, R. R., Rigo, J. C., Schneider, R. H., & Schwanke, C. H. A. (2012). Cuidados paliativos em geriatria e gerontologia. São Paulo: Atheneu.

Ervati, L. R., Borges, G. M., & Jardim, A. P. (org.). (2015). Mudanças demográficas no Brasil no início do século XXI: subsídios para as projeções da população. Rio de Janeiro: IBGE.

Felix, Z. C. (2014). Vivência de enfermeiro no cuidar de pacientes na terminalidade: um enfoque bioético. (Dissertação de mestrado). Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa. Recuperado de https://repositorio.ufpb.br/jspui/bitstream/tede/5158/1/arquivototal.pdf

Friestino, J. K., Rezende, R., Lorentz, L. H., & Silva, O. M. P. (2013). Mortalidade por câncer de próstata no Brasil: contexto histórico e perspectivas [Versão digital]. Revista Baiana de Saúde Pública, 37(3), 688-701. Recuperado de http://files.bvs.br/upload/S/0100-0233/2013/v37n3/a4469.pdf

Modulo, L. T. (2017). Comentários sobre pessoa envelhecida com doenças crônicas. São Paulo: Servier.

Monteiro, I. (2007). Antropologia: uma nova concepção. Petrópolis: Vozes.

Pessini, L., & Barchifontaine, C. P. (2012). Problemas atuais de bioética (10.ª ed.). São Paulo: Centro Universitário São Camilo.

Rodriguez, J. R. R., Zaz Tabares, Gonzaléz Dias, C. M., & Quijano, C. (2015). Cuidados paliativos y envejecimiento [Versão digital]. Geroinfo, 10(3), 1-21. Recuperado de http://files.sld.cu/gericuba/files/2017/02/Cuidados-paliativos-y-env-2015-3.pdf

Saad, E. R. D., Lima, A. P., Rodrigues, C., Amorim, F., Yasuda, F., Santos, G. A., & Iser Bem, P. N. (2009). Bioética aplicada a pesquisa e inovação farmacêutica [Versão digital]. Revista de Pesquisa e Inovação Farmacêutica, 1(1), 53-62. Recuperado de https://revista.pgsskroton.com/index.php/RPInF/article/view/178

Santos, R. J. L. L., Sousa, E. P., Santos, S. G., Sales, V. P., Rodrigues, G. M. M., & Quaresma, P. C. (2019). O enfermeiro e os cuidados paliativos proporcionados ao idoso terminal internado em UTI [Versão digital]. Revista Brazilian Jounal of Health Review, 2(2), 1095-1104. Recuperado de http://www.brjd.com.br/index.php/BJHR/article/view/1305

Silva, H. B. (2010). Beneficência e paternalismo médico [Versão digital]. Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil, 10(2), 419-425. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1519-38292010000600021

Tolson, D., Holmerova, I., Macrae, R., Waugh, A., Hvalič-Touzery, S., Abreu, W., Manuel, L. C., ... Hanson, E. (2017). Improving advanced dementia care: na interprofissional paliares learning framework. Journal of the American Medical Directors Association, 18(7), 561-563. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jamda.2017.03.014

Veras, R. P. (2012). Prevenção de doenças em idosos: os equívocos dos atuais modelos. Cadernos de Saúde Pública, 28(10), 1834-1840. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012001000003

Cuidados paliativos a pessoa idosa com demência
Publicado
2020-02-27
Cómo citar
Reis, R. D., Garcia Andrade, A. M., Silva, J. V. da, & GEPECEL, G. de E. e P. em C. P. e L. (2020). Cuidados paliativos a pessoa idosa com demência: Sentimentos emergentes com reflexões bioéticas. Revista Iberoamericana De Bioética, (12), 01-11. https://doi.org/10.14422/rib.i12.y2020.006